Não se esqueça desses itens quando for à cênica cordilheira no Nepal

por Peter West Carey

 

Os Himalaias, no Nepal, não são como nenhum outro lugar na Terra. Picos elevados, ar puro e um ambiente cultural acolhedor me trouxeram de volta não uma vez, nem duas, mas três vezes nos últimos anos – e, ao longo do caminho, acabei entendendo o que não posso deixar de levar comigo. Aqui está o que você deve colocar na mala quando estiver considerando uma caminhada até o Himalaia.

 

  1. Uma garrafa d´água e kit hidratação

Você deve embalar uma garrafa de plástico ou de metal resistente e um pacote de hidratação. Trazer seu próprio armazenamento de água ajudará a aliviar esse frágil ecossistema do flagelo das garrafas descartáveis ​​descartáveis ​​de plástico, que você verá enchendo as trilhas enquanto caminha. Aliás, isso é verdade para qualquer lugar que vá visitar na superfície terrestre e fora dela. É melhor não aumentar o problema que já é grande.

As garrafas facilitam o preenchimento e a filtragem. Embora a água no Himalaia pareça razoavelmente livre de matéria orgânica, há microrganismos que podem acabar atrapalhando sua temporada nas montanhas. Por essa razão, recomendamos levar o “Steripen”, um dispositivo portátil que usa luz UV para matar qualquer parasita que possa causar problemas digestivos. Encha a garrafa de água de qualquer fonte mais ou menos limpa, acione o Steripen por um minuto e você terá água limpa e de excelente sabor.

Uma vez que a água é segura para beber, transfira para um saco ou mochila de hidratação para manter-se hidratado enquanto você caminha. O saco com canudo ajudará a garantir que você beba com frequência, o que o fará permanecer forte o suficiente para continuar.

Um bônus adicional de trazer sua própria garrafa: você pode enchê-la com água quente antes de ir para a cama e usá-la para manter os dedos dos pés quentinhos até o amanhecer. Assim, pela manhã, você estará pronto para pegar a trilha!

O sol brilhante do Himalaia significa que levar um bom par de óculos de sol para a sua caminhada é obrigatório.

 

  1. Um caderno

Mesmo que você não faça um diário, um pequeno caderno pode servir a muitos propósitos.

Alguns cadernos têm um bolso na parte de trás onde dá para armazenar documentos pequenos importantes, recibos, cartões de visita ou outras lembranças. Para escrever, vale investir numa SpacePen, que funciona nas condições mais extremas de temperatura e pressão.

O caderno também é uma ótima maneira de se comunicar. Fiz muitos amigos desenhando mapas e orientações para lugares imperdíveis. Também não gosto de ficar totalmente dependente do mapa do meu telefone (e da bateria). Se você não tiver cartões de visita na montanha, basta extrair uma página e passar suas informações de contato para novos amigos que, sem dúvida, fará ao longo do caminho.

Cadernos são importantes para anotar novas frases que você aprende enquanto está na estrada, para manter a pontuação durante os jogos de cartas e para acompanhar as despesas – caso esteja inclinado a permanecer dentro do orçamento. Além disso, estão à disposição para armazenar todos os incríveis insights que surgem em sua cabeça enquanto aproveita ao máximo o tempo na estrada para reavaliar sua vida.

Uma garrafa de água e um saco de hidratação ajudarão a mantê-lo hidratado enquanto caminha pelos Himalaias.

 

  1. Uma boa câmera

Sim, a câmera do seu telefone funcionará, mas para fotos realmente espetaculares, você vai querer trazer algo com um zoom decente e armazenamento extra. Sugiro uma DSLR de nível básico e uma lente de 18 a 200 mm, se você quiser manter as coisas simples e compactas. A eletricidade pode ser irregular – ou cara – às vezes no Himalaia, então traga duas baterias extras se puder encaixá-las.

Câmeras com GPS, que são relativamente novas no mercado, oferecem um benefício extra para o viajante frequente: não há necessidade de lembrar exatamente onde você estava quando tirou aquela foto incrível, já que, com essas câmeras, tudo é gravado quando você fotografa.

 

 

  1. Óculos de sol e protetor

Algumas de minhas viagens ao Nepal começaram em Seattle, onde durante a maior parte do ano, exceto julho e agosto, não tenho a menor ideia de onde estão meus óculos de sol. Isso pode ser um problema real no Himalaia. O sol é intenso em altas altitudes, o que, na ausência de lentes decentes, pode arruinar uma viagem que deveria ser divertida em apenas um dia. Há óculos de sol à venda no Nepal, mas a qualidade é questionável. E ainda no tópico sol, traga protetor solar também. E um chapéu.

 

  1. Fotos de casa

Você está viajando longe de casa porque quer ver algo novo e excitante. Por que não trazer algo novo para aqueles que você visita? Trazer fotos de casa (prefiro fotos impressas para facilitar o uso) ajuda a romper qualquer barreira de idioma que você possa ter. Leve fotos de sua família, sua casa ou animais de estimação; Todos esses são ótimos pontos de partida para conversas e uma maneira de mostrar sua visão de mundo para aqueles que você visita.

 

Itens bônus: cartão de crédito e dinheiro

Sim, há caixas eletrônicos no Nepal, e o turismo é a maior indústria do país, mas isso não significa que chegar ao seu dinheiro seja tão fácil quanto quando se está em casa. Sugiro que a maioria dos viajantes traga dinheiro suficiente para cobrir alguns dias de viagem. Dólares, euros e libras são mais fáceis de trocar (embora a taxa de câmbio seja menos competitiva do que no seu banco).

Trekking no Himalaia do Nepal pode ser uma experiência que mudará sua vida. A chave para uma viagem incrível está na preparação do essencial, para que o acaso possa assumir o comando e revelar o mundo para você.

 

Chegando la

Pronto para caminhar no Himalaia? Temos uma série de viagens para o Nepal, que englobam desde viagens a retiros de lazer. Estamos empolgados com a perspectiva de mostrar a você mais deste grande e belo planeta – confira nossas excursões para pequenos grupos ao Nepal aqui .

 

Tradução livre do texto de Peter West Carey.